NOTÍCIAS

bakirkoy masaj evde masaj istanbul masaj masaj xnxx video ensest hikaye
Chegou a hora de terceirizar a área de TI?

Até pouco tempo atrás, terceirizar a área de TI era algo impensável para muitas empresas. O temor de colocar fora de casa uma atividade tão estratégica levava muitas empresas a conviverem com estruturas de TI precárias, que mal conseguiam dar conta das atividades básicas da organização. Mas a necessidade de crescimento, inovação e manutenção de equipes minimamente qualificadas começou a fazer com que muitas empresas revissem esse tabu. Segundo Miguel Ruiz, fundador da MR Consultoria, há indicadores claros que podem alertar uma empresa sobre a necessidade de terceirizar a área de TI:

“Compreender se chegou a hora de terceirizar a área de TI requer apenas a visão do negócio. O melhor indicador para saber se chegou a hora de investir em terceirização é perceber se a área interna de TI está conseguindo resolver os problemas que surgem em função das necessidades de crescimento da empresa. Se os problemas se acumulam e demoram para ser resolvidos, está aí um indicador importante de que é hora de pensar em terceirização”, alerta Ruiz.

Outro indicador importante é avaliar o grau de satisfação da empresa como um todo com as operações de TI quando consideramos, principalmente, quanto está sendo investido na área de tecnologia da informação:

“Há vários estudos sobre investimentos de TI, inclusive à disposição na Internet, que indicam investimentos em tecnologia por segmento. Uma análise importante é avaliar se o investimento que a empresa faz em TI está compatível com aquele praticado pelo mercado em relação ao faturamento da empresa. Se o investimento estiver dentro daquilo que o mercado pratica, a segunda análise a fazer é o grau de satisfação com o retorno que a área de TI dá. Se a satisfação estiver em bom nível, as coisas estão indo bem. Caso contrário, é hora de pensar em terceirização”, assinala Ruiz.

Pessoal qualificado

Um fator essencial a considerar é que, hoje em dia, as empresas enfrentam dificuldades em manter pessoal qualificado em suas áreas de TI, especialmente em função do fato de que há grande disputa por esses profissionais. De acordo com Ruiz, uma área de TI com pessoal pouco qualificado ou com baixa experiência pode levar a situações de baixa renovação de TI:

“Nesse caso, se a equipe de TI está desfalcada ou tem pessoal com baixa qualificação, a terceirização parcial das atividades pode ser a solução que vai injetar mais conhecimento nessa estrutura, permitindo que a empresa esteja melhor preparada em uma área tão crítica como é a de TI”, explica Ruiz.

Para o consultor da MR Consultoria, os medos que impediam as empresas de terceirizar a área de TI estão sendo gradativamente superados. Segundo Ruiz, há muitos casos de empresas que começam com terceirização parcial da área de TI e logo percebem que podem ir além em função da confiança que passam a depositar no parceiro:

“Terceirização tem a ver com confiança. O que estamos vivenciando hoje em dia é o fato de que estruturas terceirizadas de TI respondem com mais velocidade e eficiência aos desafios dos negócios. Outro aspecto importante é que os profissionais que atuam em empresas que prestam serviços de TI estão melhor preparados para inovar, uma vez que vivenciam experiências de empresas em diversos segmentos. Um dos males das estruturas internas de TI é que elas vivem o dia a dia da empresa, em um único segmento, e deixam de olhar as inovações que estão acontecendo em outras áreas e que podem ser aplicadas à organização. Com uma área terceirizada de TI fica mais fácil ter acesso ao que está sendo feito em outras segmentos”, alerta Ruiz.





Publicado em: 24/05/2012         Fonte: Revista Incorporativa         Postado por: Equipe Essência Sobre a Forma

Voltar

 

beylikduzu escort
porno
porno