NOTÍCIAS

Empresas em recuperação judicial: onde conseguir recursos?

O caminho dos empresários que entram na Justiça com o pedido de recuperação judicial é tenso, mas com possibilidades de sucesso. A avaliação é de Benjamin Yung, sócio fundador da Estratégias Empresariais, consultoria especializada em reestruturação financeira.

“Há algumas fontes de levantamento de recursos para a empresa em recuperação judicial. Uma delas é a venda de ativos, em especial imóveis. Essa venda deverá fazer parte do plano de recuperação da empresa. O recurso gerado com os bens vendidos pode ser usado para pagamento direto aos credores ou ser aplicado na produção da empresa, para que recupere capital de giro e possa pagar as dívidas com o fluxo de caixa operacional”, explica o especialista. “Outra alternativa para o empresário é a venda das chamadas Unidades Produtivas Individuais (UPIs). Nessa opção, o empresário comercializa uma filial ou unidade de negócio de sua empresa e utiliza o recurso da mesma forma”, diz.

O consultor da Estratégias Empresarias cita que outra fonte frequentemente utilizada por empresas em recuperação judicial é o próprio banco credor. “Após a aprovação do PRJ, não raramente a instituição financeira se sente confortável para novamente emprestar recursos”, afirma Yung.

Existe, ainda, outras duas fontes de recurso procuradas pelos empresários em crise, de acordo com o especialista. Há os factorings, que operam desconto de recebíveis ou algum limite de fomento à produção. E operações ainda pouco exploradas no Brasil, como o fundo de investimentos em empresas problemáticas, visando à retomada operacional (fundos de turnaround, vulture funds – “urubus”, entre outros).



Publicado em: 04/11/2013         Fonte: Revista Incorporativa         Postado por: Ronnie de Sousa

Voltar

 

bursa escort
porno
porno
bodrum bayan escort