NOTÍCIAS

bakirkoy masaj evde masaj istanbul masaj masaj xnxx video ensest hikaye
Deloitte terá cometido "infrações muito graves" no processo Bankia

Uma inspeção do Instituto de Contabilidade e Auditoria de Contas do Ministério da Economia espanhol detetou "infrações muito graves" cometidas pela Deloitte no processo de fusão e saída da Bolsa do Bankia. De acordo com as conclusões, que figuram num relatório a que o El Confidencial teve acesso, as infrações poderão levar à perda de licença da Deloitte para continuar a exercer auditoria em Espanha.
O relatório foi remetido ao instrutor do caso Bankia, o juíz da Audiência Nacional Fernando Andreu, e refere-se a uma revisão das finanças do Bankia feita em 2011.
 
De acordo com o órgão supervisor do Ministério da Economia, a Deloitte poderá ter violado "o dever de independência dos auditores de contas", incorrendo em "dolo ou negligência especialmente grave" - uma infração classificada pela Lei  de Auditoria de Contas de "muito grave" e que poderá levar à perda de licença em território espanhol.
 
O documento refere ainda mais duas infrações que poderão ter sido cometidas pela auditora, estas de carácter "grave": o incumprimento de "normas de auditoria" que acabou por ter um "efeito significativo sobre o resultado do trabalho e, por conseguinte, no seu relatório". Uma infração que poderá obrigar a Deloitte ao pagamento de uma multa equivalente a um máximo de 3% dos honorários faturados.
 
Por outro lado, o supervisor considera ainda que a Deloitte pode ter incorrido numa infração de parcialidade - ao mesmo tempo que inspecionou as contas do Bankia, trabalhou para a entidade "na determinação da rentabilidade por negócios e consumo de capital de cada um deles".



Publicado em: 04/07/2013         Fonte: Sicnotícias         Postado por: Equipe Essência Sobre a Forma

Voltar

 

beylikduzu escort
porno
porno
bodrum bayan escort