NOTÍCIAS

bakirkoy masaj evde masaj istanbul masaj masaj xnxx video ensest hikaye
Importação: Entenda o mercado e seus parceiros para evitar problemas


Identificar uma possibilidade de inovação em um mercado distante. É com essa ideologia que investidores procuram pela importação de novos produtos para alcançar o sucesso dentro do mercado brasileiro. Contudo, durante esse processo, há cuidados simples que devem ser tomados pelo importador antes de ser surpreendido pela fiscalização tributária e ser autuado ou, até mesmo, ter suas mercadorias apreendidas.

Conhecer sobre a área de negócio em que se quer investir é essencial para o empreendimento dar certo. Para Felipe Machado, sócio da ABN8 Trading, “muitas pessoas buscam atuar em áreas sem prévia pesquisa ou conhecimento, acatando com prejuízos desnecessários posteriormente. Identificar uma oportunidade e recorrer aos parceiros corretos são pontos fundamentais para o êxito”. A contratação de empresas especializadas, as Trading Companies, aproximam o importador do setor junto aos produtos escolhidos e elaboram todo o projeto, o que ajuda (e muito) no investimento.

Existem diversas Tradings, que oferecem o serviço de importação e exportação. Mas, como em todo setor, há prestadores de serviços não confiáveis, o que pode acarretar ainda mais prejuízos durante todo o processo. Confiar na empresa certa fará toda a diferença. “É necessário checar se as demais sociedades das tradings companies estarão à altura do serviço que ele necessita”, diz Machado. Isso porque, além da análise de custos, negociação, lista de exportadores, envio e tempo de transporte, é também necessário entender o mercado nacional.

Além das taxas e dos custos altos, que já devem ser previstos durante a elaboração do projeto para importar, o diretor elenca alguns dos principais problemas no que se refere à ação:

Registros

O importador ou a Trading Company deve estar devidamente cadastrado e habilitado no sistema SISCOMEX (Sistema Integrado de Comércio Exterior). Sem esse registro, é impossível obter os outros documentos necessários para finalizar o processo.

Classificação fiscal das mercadorias

É importantíssimo o importador checar as nomenclaturas e a devida classificação dos produtos junto à Secretária da Fazenda e os órgãos responsáveis. Por exemplo, se o importado for um medicamento, é necessária a autorização prévia da Anvisa. Sem isso, o produto é barrado na alfândega até os devidos procedimentos serem tomados.

Logística e transporte

Combine com o vendedor do produto no exterior como será feito o envio e a data estimada para sua chegada. Existem diferentes formas de transporte, sendo elas áreas ou marítimas, que variam de acordo com quantidade, peso e tamanho, por exemplo. Ter previsões evitam o desgaste com espera do empreendedor ou de seus clientes.

Com a finalização de todo o processo, o importador está apto a conquistar novos mercados e consumidores. “O Brasil está crescendo e novas oportunidades de importação estão sendo buscadas. Aproveitar o momento econômico local junto às expectativas do setor em que se deseja investir torna a maturação do negócio ainda mais rápida dentro da economia nacional”, conclui Felipe.




Publicado em: 24/01/2013         Fonte: Revista Incorporativa         Postado por: Equipe Essência Sobre a Forma

Voltar

 

beylikduzu escort
porno
porno