NOTÍCIAS

bakirkoy masaj evde masaj istanbul masaj masaj xnxx video ensest hikaye
Proposta pretende facilitar a ida de MPEs para o mercado de capitais


Por: Luiza Belloni Veronesi

Uma proposta levada ao Ministério da Fazendo pela Fecomercio-SP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo) pretende criar um ambiente mais favorável para as pequenas e médias empresas atraírem investidores e ingressarem no mercado de ações.

Em um reunião do Conselho da Pequena Empresa da instituição, o presidente do Conselho, Paulo Roberto Feldmann, afirmou que o "Plano Diretor da Micro e Pequena Empresa: Alternativas para o desenvolvimento do pequeno negócio" mostra a necessidade de ajustar mecanismos para que as médias e pequenas empresas possam abrir capitais. "Estamos entre as dez principais economias, mas somos a 27ª bolsa no mundo".

Além de possíveis créditos tributários, Feldmann indica que um dos meios é a criação de bolsas regionais, proposta capaz de ajudar as empresas com faturamento anual abaixo de R$ 400 milhões para a abertura no mercado de capitais.

Mercado de Capitais

Convidado para o encontro, o diretor-geral do Ibemec (Instituto Brasileiro de Mercados e Capitais), diz que, embora o mercado de ações brasileiro não seja novo, o ambiente de maior estabilidade macroeconômica é recente, fato que também coloca o Brasil atrás de países vizinhos. "Se analisar o tamanho do mercado de capitais em relação ao PIB, Chile, Colômbia e Peru estão mais avançados e com significativa participação das pequenas empresas, pois viabilizam emissões menores", ressalta.

Rocca pontua ainda que, para avançar nas discussões, é fundamental não ter um olhar singular sobre o mercado. "Temos a empresa, o investidor, os intermediários, os órgãos reguladores, os prestadores de serviços, enfim, todos os componentes precisam estar alinhados”, finaliza.




Publicado em: 22/10/2012         Fonte: Infomoney         Postado por: Equipe Essência Sobre a Forma

Voltar

 

beylikduzu escort
porno
porno
bodrum bayan escort