NOTÍCIAS

bakirkoy masaj evde masaj istanbul masaj masaj xnxx video ensest hikaye
A evolução das MPE mineiras


Na semana do Dia das Micro e Pequenas Empresas (5/10), empresários e Empreendedores Individuais em Minas Gerais comemoram o bom desempenho dos negócios nos últimos anos. Entre as conquistas estão o aumento da taxa de sobrevivência, modernização dos processos produtivos e gerenciais e criação de políticas públicas que beneficiam a criação e o crescimento dos pequenos negócios.

De acordo com levantamento do Sebrae-MG, as micro e pequenas empresas (MPE) mineiras representam 20% do PIB de Minas Gerais, 99 % dos empreendimentos formais, 56% da força de trabalho e 43% da massa salarial.

Em relação ao perfil do empreendedor, entre 2010 e 2011 aumentou o percentual de mulheres à frente das MPE mineiras, de 33,3% para 35,6%.

Os pequenos negócios também estão mais sólidos. Em 2010, 42% das MPE tinham mais de 10 anos de mercado. No ano seguinte, esse percentual chegou a 46%.

Mesmo com a crise financeira, que atingiu os países europeus, e a com dificuldade da retomada da economia americana, no segundo trimestre de 2012 o faturamento das MPE mineiras aumentou 17%, comparado ao mesmo período do ano passado. Além disso, 94% dos empreendimentos registraram lucro.

De agosto de 2011 a julho de 2012, os pequenos negócios geraram 118.225 postos de trabalho formais, número superior às médias e grandes empresas do estado e à média nacional de 110.173 empregos no país.

A maior parte das MPE mineiras possui iniciativas de apoio à inovação e estão cada vez mais preocupadas com a sustentabilidade nos negócios. A redução do consumo de água e energia é uma das medidas sustentáveis mais adotas pelos pequenos empreendimentos.

Outra evolução das MPE é o acesso à internet. No 3º trimestre de 2012 63,5% dos pequenos negócios tinham acesso à internet banda larga e 28% tinham sites.

De 2006 a 2011, cinco Leis Completares foram editadas e trouxeram benefícios para as MPE. Entre elas está a criação do Empreendedor Individual, que dá vantagens para trabalhadores que faturam até R$ 60 mil por ano, não têm sócio e possuem um empregado. Atualmente, Minas Gerais é o terceiro estado em número de formalizados. São mais de 300 mil Empreendedores Individuais. De janeiro a agosto deste ano foram cerca de 116 mil formalizações, 46 mil a mais que o previsto para todo o ano.




Publicado em: 03/10/2012         Fonte: Revista Incorporativa         Postado por: Equipe Essência Sobre a Forma

Voltar

 

beylikduzu escort
porno
porno