NOTÍCIAS

bakirkoy masaj evde masaj istanbul masaj masaj xnxx video ensest hikaye
Usuários querem mais serviços em sites de governo eletrônico


Usuário navaga em um MacBook ProSão Paulo - Os sites de governo eletrônico (e-gov) oferecem a informação que o usuário precisa, mas nem sempre disponibilizam os serviços que necessita realizar, como pagamentos e emissão de documentos. A conclusão está em pesquisa da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (FEARP) da USP.

O trabalho da analista de sistemas Ieda Martins propõe um modelo para avaliação dos serviços de e-gov sob o ponto de vista dos cidadãos, pois o estudo verificou que a maioria dos modelos existentes focava prioritariamente os aspectos técnicos.

“Os sites de e-gov representam o uso de tecnologias de Internet para interconectar e possibilitar os processos de negócios, a comunicação e a colaboração entre o governo e seus parceiros, que podem ser os cidadãos, empresas, órgãos governamentais, entre outros”, conta a pesquisadora.

“A principal tecnologia utilizada para interface é a internet e os mais diversos tipos de servicos podem ser oferecidos, mas se verifica que o mais oferecido é a oferta de informações”. Segundo o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), em 2010 existiam 11.856 sites com o domínio “gov.br”, um total de 6.331.256 páginas HTML (padrão de formato de páginas de internet).

De acordo com Ieda, os atributos mais considerados na satisfação dos usuários de serviços de e-gov foram “O site fornece informações de qualidade”, “As opções de comunicação funcionam”, “O site disponibiliza uma seção de Perguntas Mais Frequentes (FAQ)”, “O site oferece o que era esperado”, “O site apresenta claramente os serviços oferecidos”, “O site sinaliza a existência de mecanismos de segurança” e “Os links funcionam corretamente”.




Publicado em: 28/08/2012         Fonte: Júlio Bernardes - Agência US         Postado por: Equipe Essência Sobre a Forma

Voltar

 

bursa escort
porno
porno
bodrum bayan escort