NOTÍCIAS

bakirkoy masaj evde masaj istanbul masaj masaj xnxx video ensest hikaye
Investidor brasileiro fica mais conservador


A demora para uma solução da crise econômica mundial deixou o investidor brasileiro mais conservador neste ano. Dados da QuorumBrasil - empresa especializada em pesquisa de mercado com atuação em toda América Latina - mostram que poupança, imóveis e fundos de renda fixasão os destinos preferidos para quem quer guardar dinheiro. As duas primeiras aplicações também foram consideradas as mais rentáveis para garantir o futuro.



"Após mais um ano de crise na Europa, o cenário não poderia ser diferente: os imóveis assumiram maior importância em detrimento do mercado acionário. Os fundos de investimento caíram comparado ao levantamento de 2008. O imóvel e a poupança, que já eram os mais citados, ganharam peso maior nas carteiras", comenta o sócio-diretor da QuorumBrasil, Cláudio Silveira.

Segundo ele, entre os homens, aumentou o grupo que acredita que os imóveis são a aplicação mais rentável: de 25% em 2008 para 41% na pesquisa de 2012. Entre as mulheres, passou de 29% para 62%. Em contrapartida, o interesse pelo mercado de ações caiu de 38% para 15% entre o público masculino e de 16% para 4% entre o feminino.

"Historicamente, o brasileiro sempre teve um perfil conservador, até porque o juro era alto e não era necessário optar por aplicações mais arriscadas para conseguir um ganho melhor. Sem dúvida, no caso dos imóveis, a valorização do mercado nos últimos anos está na memória recente do investidor", diz o gerente de home broker do HSBC, Alessandro Mavignier.

Em relação aos investimentos de longo prazo, que irão garantir a aposentadoria, os imóveis também são os preferidos. A pesquisa mostra que eles são mais procurados, mesmo quando comparados aos planos de previdência privada.

A memória recente também explica o comportamento do investidor em relação ao mercado acionário. "Em 2008, a maioria dos investidores pessoa física não tinha passado por grandes baixas do mercado. Agora já completamos quatro anos de crise e ele percebeu que a bolsa não tem só alta", afirma o diretor da HSBC Corretora, Vieri Bracco.





Educação financeira

Casas que trabalham com planejamento financeiro, no entanto, se dizem otimistas quanto à mudança de percepção dos investidores. "Temos um programa educacional intenso e percebemos que as pessoas estão tentando ver o cenário de maneira diferente. O fato é que, com juros mais baixos, o investidor entendeu que precisa aprender a tomar mais risco se quiser ganhar da inflação", comenta o diretor da XP Investimentos, Guilherme Benchimol. Segundo cálculo da XP, o juro real (juro básico descontado a inflação) era de 13% em 2000 - taxa de rentabilidade que caiu para 3,4% segundo os valores atuais.

O estrategista de gestão patrimonial da Rio Bravo Investimentos, Beto Domenici, destaca que "com o rendimento bem mais baixo, as pessoas estão procurando informações e tentando realocar recursos em produtos não tradicionais".

Ele percebe um aumento do interesse por fundos imobiliários. "São produtos que investem em imóveis comerciais, como shopping centers, e revertem toda a valorização nas cotas e em pagamentos periódicos de aluguéis, por exemplo". Ele explica que essa aplicação tem o benefício de isenção de imposto de renda. "O principal cuidado é a seletividade. Hoje em dia há fundos excelentes, bons, médios e ruins no mercado", comenta.

Informações

Os bancos continuam a ser a principal fonte de informações, o que para alguns especialistas acaba influenciando a escolha da carteira. "Não há muitas opções de produtos. Em geral, os gerentes oferecem produtos conservadores", comenta Benchimol. A internet já aparece como o segundo canal mais consultado, mas a maioria ainda acha as informações pouco confiáveis e difíceis de serem entendidas. Por conta disso, não investiriam por meio da rede.

A pesquisa foi feita em julho, com investidores de São Paulo, entre 35 e 55 anos de idade, que fizeram alguma aplicação neste ano. A renda pessoal variava de R$ 5 mil a R$ 9 mil.




Publicado em: 26/08/2012         Fonte: Yolanda Fordelone, do Estadão         Postado por: Equipe Essência Sobre a Forma

Voltar

 

beylikduzu escort
porno
porno