COLUNISTAS


Facebook Twitter Linkedin
Rodrigo Rossetti Lopes

• Bacharel em Administração de Sistemas de Informação - Centro Universitário Ibero Americano;

• MBA, Executive Business Administration - Insper Business School;

• ITIL® Foundation in IT Service Management - ITILF -
Licença da certificação 5268403.20361852

• Information Security Management - ISFS - (ISO/IEC27002)
Licença da certificação 5276273.20365240

• IT Service Management. - ITSM20F - (ISO/IEC20000)
Licença da certificação 5276273.20366991

• Green IT Citizen - GRITC -
Licença da certificação 5276273.20370792

• Cloud Computing in IT Management - CLOUDF
Licença da certificação 5276273.20377965

• Certificated Integrator in Secure Cloud Services - CI-SCS
Licença da certificação 5276273.20377964

• Member Participant Project Management Institute
Licença 1103183

• EMPRETEC
ONU / Sebrae

 


A cultura da inovação, da prospecção à entrega

Por Rodrigo Rossetti Lopes

 

 

Novas e velhas necessidades do mercado imploram cada dia mais por inovação, e são as ideias as moedas mais preciosas na nova economia, mas concebê-las não deveria ser um processo misterioso. A figura do gênio iluminado que inspira soluções a partir do nada é uma ficção romântica que não cabe mais na dinâmica  das necessidades dos atuais mercados.

Podemos considerar que há quase um consenso universal de que o mercado de  inovação é um desafio, com o resultado bastante imprevisível.

Alguns acreditam em construir grupos de consultoria dedicados à intermediação de conhecimento interno das empresas. Outros podem contratar pessoas que tenham enfrentado problemas semelhantes aos problemas atuais das companhias.

O fato é que poucas organizações estão satisfeitas tanto com os resultados como com o processo adotado, o que torna a experiência e o empenho frustrantes para empresários, equipes e executivos. Em muitas empresas isso gera inclusive crise de confiança e capacidade.

Mas a partir da observação e pesquisa de empresas que alcançaram diferencial a partir de resultados inovadores, entende-se este comportamento como uma disciplina que pode ser aprendida, multiplicada e praticada.

A adoção desta disciplina chega, em alguns casos, a se tornar uma ética de inovação na empresa, a qual permite que a organização amplie os limites do conhecimento individual e coletivo, habilidade e capacidade para atender às necessidades de consumo complexos da sua cadeia produtiva.

A criatividade dentro das organizações é fortemente influenciada por práticas de gestão em conjunto com habilidades de grupos de trabalho relevantes para essa condução.

Algumas disciplinas ou processos podem ser considerados chave para determinar se as equipes irão obter sucesso ou falha em seus processos de inovação. As equipes de sucesso aprendem a desenvolver ideias e testar hipóteses sobre os clientes, oportunidades de mercado, tornando isso parte integrante da propostas de valor da empresa. Estas disciplinas permitem às organizações reduzir riscos, melhorar as probabilidades de correção e aumentar a confiança interna.

Muitos processos ou ações podem ser conduzidos para a aplicação do comportamento inovador nas empresas, relaciono abaixo um conjunto das principais disciplinas que identifiquei como necessárias para gerar cenários de inovação com foco em resultados corporativos:

As necessidades do cliente representam o combustível de partida e o ponto final para a inovação - "é mais fácil de fazer as coisas que as pessoas querem do que fazer com que as pessoas queiram as coisas".

A transparência e a postura de parceria com os clientes são habilidades importantes para os gestores e membros das equipes e "tornar tangível este compromisso", inclusive com iniciativas de inovação, torna-se ainda mais valioso.

Quando os clientes estão satisfeitos com a relação custo x prazo x qualidade, qualquer inovação deve oferecer uma vantagem ainda maior e mais significativa para se obter plena aceitação por parte do cliente.

Validação é crucial, especialmente nas fases iniciais da inovação. Validação de pré-lançamento economiza tempo, reduz o risco e ajuda a equipe a confirmar as decisões-chave à medida que avança através do processo.

Os clientes variam em permeabilidade à mudança e propensão para aceitação. Aferir a maturidade do mercado representa vital necessidade, derivando planejamento adequado de vendas, marketing e orçamento para o custo de aquisição de clientes.

Protótipos podem simplificar idéias complexas e torná-las quase vivas, permitem que aos usuários fornecer feedback confiável para as equipes de inovação e projeto. Os benefícios da prototipagem superam em muito o custo, tempo e esforço desprendidos.

A aplicação de "dispositivos conectados" tende a ampliar a percepção de benefícios sobre a proposição da inovação que atende antigas necessidades ou novos desafios, tanto em produtos físicos quanto em digitais.

Clientes com necessidades críticas possuem também maior probabilidade de responder favorável e prontamente a novas idéias e soluções inovadoras.

As necessidades do cliente são multidimensionais e todas estas dimensões representam oportunidades de inovação e superação das expectativas, assim também como os aspectos emocionais e racionais destas necessidades.

Clientes passam a perceber mais do que o próprio resultado inovação - eles são tocados pelos benefícios da cultura, persuadidos pelas vantagens. Articular e refinar estes e outros elementos da proposta de valor da empresa para a inovação torna-se diferencial vital para a equipe e a empresa no mercado.

Absorver estas disciplinas, processos e comportamentos de inovação entre os valores e éticas da empresa certamente produzirão experiências de aprendizagens e reconhecimentos importantes. Eles condicionam para que as equipes testem e refinem hipóteses antes da execução, reduzindo custos e riscos, maximizando as chances de acerto e reduzindo o tempo que se leva para alcançar o sucesso.

 

Apoio:

Ferramentas visuais para estratégias de Inovação.

 

 

Portal 3M inovação:
http://www.3minovacao.com.br

INSPER CEMPI – Centro de Empreendedorismo e Inovação:
http://www.insper.edu.br/empreendedorismo/

FGV - Fórum de Inovação:
http://www.inovforum.org.br

 

Postado dia 03/07/2015 - Fonte: Essência Sobre a Forma

Visitantes: 1826


ankara escort
alanya escort
izmir escort
gaziantep escort
hd porn
porno
bodrum bayan escort